Ola, me chamo Rodrigo sou portador  de uma doença crônica, retocolite ulcerativa

Descobri a doença quando  tinha  25 anos, porém não tratei corretamente  com medicações  via oral.

Fumava, bebia. Quando em 2013 resolvi parar de fumar e neste mesmo ano meu pai foi a óbito… então comecei com muitas dores na barriga e minhas fezes começaram a ficar com aspecto diferente, com sangue e depois evoluindo para diarreia de 7 a 8 vezes por dia.

Depois disso resolvi procurar  um médico referência em doenças  inflamatórias intestinais, muito bom médico. Que solicitou vários exames de sangue e colonoscopia.

Me senti pra baixo, desanimado, mas tive muita ajuda do meus familiares e médico, então comecei o tratamento para retocolite com altas dose de corticoide. Estava com praticamente todo intestino grosso inflamado, fiz uso por oito meses de corticoide, mas quando desmamei voltou a doença, então voltei a tomar associado com azatioprina que tive reação alérgica. Foi suspenso e comecei com biológicos que tive melhora em  2 anos de infliximabe,  mas perdeu efeito.

Agora estou com Entyvio (vedolizumabe) faz um ano, estava muito bem quando de repente comecei com dores abdominais, diarreia e o médico solicitou uma nova colonoscopia, espero não ter perdido efeito da medicação…

Um forte abraço a todos e que todos consigam ficar em remissão por mais tempo. Obrigado!

Meu nome é Rodrigo, moro em Blumenau/SC, tenho 43 anos e sou Técnico de Enfermagem. Meu perfil no Instagram: rodrigo_moreiram

Conte sua história também!

Expressar tranquiliza-a-dor. 

Compartilhe a sua história aqui

Para ler os depoimentos clique aqui

Siga nas redes sociais: