Inaugurado em maio de 2008, o Instituto do Câncer do Estadode São Paulo Octavio Frias de Oliveira é uma Organização Social de Saúde, criada pelo Governo do Estado de São Paulo em parceria com a Fundação Faculdade de Medicinapara ser o maior hospital especializado em tratamento de câncer da América Latina. Além do atendimento médico, os profissionais do ICESP desenvolvem atividades de ensino e pesquisa de acordo com o modelo de ensino médico introduzido pela Faculdade de Medicina da USP no país.

No site do ICESP você encontra materiais informativos sobre diversos assuntos e achei muito interessante o material disponível para download Receitas Para Controle de Sintomas da quimioterapia, radioterapia, e radioiodoterapia, que tem a finalidade de ajudar os pacientes oncológicos a comer melhor. O tratamento quimioterápico, radioterápico e de radioiodoterapia podem apresentar diversos efeitos colaterais de duração variável e, geralmente, desaparecem após algumas semanas, mas são os grandes responsáveis pela ingestão alimentar insuficiente e, consequentemente, pela perda de peso durante o tratamento.
Para nós, com doença inflamatória intestinal (doença de Crohn ou retocolite ulcerativa), o assunto alimentação também é muito importante, pois estamos constantemente tentando manter o trânsito e a microbiota intestinal o mais regular possível. Algumas medicações e exames também mexem com nosso apetite e organismo. Náuseas, diarreia, prisão de ventre, falta de apetite, feridas na boca, são alguns dos sintomas que apresentamos em comum com aqueles que estão em tratamento oncológico. Encontrei, então, nessa cartilha do ICESP receitas saborosas que podem nos ajudar quando estamos com esses sintomas e por isso, achei por bem compartilhar aqui no blog.
O cardápio montado pelo Instituto, em parceria com a Secretaria da Saúde de São Paulo, tem o objetivo de ajudar os pacientes a driblar os sintomas do tratamento contra o câncer na hora da refeição.
As receitas estão divididas em pratos salgados, pratos doces, bebidas e ainda em cada receita você encontra as suas indicações e benefícios. Algumas receitas contêm leite de origem animal, para os intolerantes, sugiro trocar por outro leite que não seja o de origem animal. Existem ainda as opções de lácteos sem lactose que também podem ser utilizados pelos intolerantes, mas nunca pelos alérgicos.
Para as preparações com leite condensado, compartilho aqui com vocês algumas receitas veganas e sendo assim, sem lácteos, ou derivados de origem animal:
Leite condensado de aveia
Ingredientes:
1 xícara de açúcar cristal orgânico
1/2 xícara de água fervente
3/4 de xícara de farinha de aveia (se usar flocos terá que bater por mais tempo no liquidificador)
Preparo:
Bata o açúcar e a água fervente no liquidificador por mais ou menos 3 minutos em potência máxima. Acrescente então a aveia e bata por mais uns 2 minutos ainda em potencia máxima ate obter um creme liso e na consistência do leite condensado tradicional.
Obs.: O tempo indicado nesta receita é para o caso de um liquidificador super potente, e  pode variar de acordo com a potencia do seu liquidificador. Se precisar bater mais tempo, não se preocupe, continue até conseguir a consistência desejada. Conserve na geladeira de preferencia em um vidro ou pirex com tampa. Dura de 3 a 5 dias. A cor final vai depender do açúcar utilizado. Na realidade não fica branquinho como o leite condensado industrial, fica um branco amarelado, meio pardo. Mas vale a pena experimentar por ser uma opção mais saudável. Esta é uma alternativa super boa para substituir os produtos de caixinha ou enlatados, que geralmente são derivados de soja e a maioria das pessoas que experimentaram reclama do sabor. Obrigada Valeria Paioli por compartilhar esta deliciosa receita. Realmente este leite condensado fica uma delicia. Muito rápido e fácil de fazer que eu nem acreditei que em poucos minutos e com tão poucos ingredientes, consegui um pote cheio de leite condensado. Rende quase uma xícara e meia.
Leite condensado de coco
Ingredientes:
1L de leite de coco (receita aqui: http://goo.gl/6Po7es)
2 a 3 colheres de sopa de açúcar demerara (depende se gosta mais doce ou não)
Preparo:
Leve o leite de coco ao fogo e espere levantar fervura. Desligue o fogo e adicione o açúcar mexendo até se dissolver.
Ligue o fogo novamente e espere até que o leite reduza pela metade. Então coloque em um recipiente, espere esfriar e leve à geladeira.
Leite condensado de arroz
Ingredientes
1 e 1/2 xícaras de água
1/2 xícara de açúcar orgânico
3 colheres (sopa) de farinha de arroz (preferencialmente integral)
3 colheres (sopa) de óleo de linhaça ou outro óleo vegetal
1 colher (chá) de essência de baunilha
1 colher (chá) de suco de limão
Preparo:
Em uma panela leve o açúcar para o fogo baixo, deixando caramelizar levemente. Despeje cuidadosamente 1 xícara de água e deixe ferver por cerca de 3 minutos.
Dissolva a farinha de arroz em 1/2 xícara de água, misture o óleo e a baunilha e despeje na panela, mexendo sempre até engrossar. Aguarde esfriar e misture o suco de limão.  Conserve na geladeira, em recipiente tampado.
Obs.: Pode ser usado normalmente em receitas como substituto ao leite condensado.

Acompanhe o blog por aqui também:

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui