Eu continue algumas medicações durante a gravidez.

Minha gestação não foi planejada, mas eu também não estava em crise. Foi muito tranquila, o parto foi cesária, pois tenho doença hemorroidária e tive algumas crises durante a gravidez, mas o grande fator mesmo que me fez escolher a cesária foi o medo do parto normal, hoje me arrependo um pouco pois queria ter tido essa experiência linda. As medicações que mantive foram as que eu já estava usando, Remicade e azatioprina.

Minha cria hoje tem 5 anos de alegria e de saúde! É o que alimenta minha vida com amor e felicidade! 💗 

E com você, como foi a gestação? Compartilhe nos comentários ou envie um depoimento para https://www.farmale.com.br/category/contesuahistoria/

Gravidez e #DII:

MITO:
Se eu tomar os remédios não posso engravidar e amamentar.

VERDADE:
A maioria das medicações pode ser utilizada durante a gestação e o aleitamento. O acompanhamento médico é essencial, pois o profissional vai orientar sobre como planejar o melhor momento para a gestação, com menor risco possível para mãe e bebê.

Fonte: www.abcd.org.br

Essas e outras informações você também pode encontrar no blog – www.farmale.com.br e no Instagram – www.instagram.com/farmaleachou.

Visite aqui a página no Facebook, o Instagram Farmale e o Canal Farmale! Não esqueça de curtir a página para saber de todas as atualizações do blog!
Compartilhe essa informação com alguém que possa estar precisando dela!
O Farmale é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre temas relacionados com saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento.
O Farmale é o blog oficial da ALEMDII – Associação do Leste Mineiro de Doenças Inflamatórias Intestinais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui