Matéria de 30 de julho de 2014 e observem que a mudança não chegou, pois o vedolizumabe chegou esse ano aqui no Brasil.

 
Compartilho algumas partes da matéria e o link para que você leia por completo:
 
Um levantamento da Abracro, associação que reúne as Organizações Representativas de Pesquisas Clínicas, analisou 85 protocolos de estudos que foram submetidos para análise na agência entre janeiro de 2013 e março de 2014. Desses, apenas doze foram aprovados e o prazo médio para o parecer final foi de 245 dias.
 
4. Doença de Crohn e retocolite ulcerativa
 
As doenças: Trata-se de duas doenças inflamatórias intestinais. A doença de Crohn é caracterizada por um processo de inflamação e ulceração nas camadas profundas da parede intestinal, principalmente do intestino delgado e do cólon. Já a retocolite ulcerativa é uma inflamação do revestimento interno do cólon ou do reto. 

O medicamento: O vedolizumabe é um medicamento biológico que pode ser oferecido a pacientes que não respondem às terapias convencionais. “Ele não é mais eficaz do que os disponíveis atualmente, mas é uma opção a mais para pessoas com essas doenças”, diz o gastroenterologista Flávio Quilici, professor da PUC-Campinas. De acordo com o médico, atualmente no Brasil há três medicamentos biológicos para tratar essas moléstias. “Como as doenças são crônicas e os pacientes precisam tomar remédio a vida toda, pode acontecer de eles se tornarem resistente ao medicamento. Daí a importância de novas drogas”, diz. 
 
Link para ler a matéria toda:
 
Mais links úteis:
Sobre o lançamento em 2014: http://migre.me/uBmi7
Siga nas redes sociais:
error

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui