Quais são os tipos de testes aprovados até o momento?

Há testes sorológicos, que fazem o uso de amostras de sangue, soro ou plasma e de uma metodologia chamada imunocromatografia (geração de cor a partir de uma reação entre o antígeno e o anticorpo) para detectar anticorpos produzidos pelo próprio organismo do paciente em resposta à infecção pelo novo coronavírus, chamados de IgM e IgG. Esses indicadores revelam se a pessoa teve ou não contato com o vírus.

Tendo em vista que o organismo demanda um tempo para a produção desses anticorpos (janela imunológica) a partir do contágio, a imunocromatografia é indicada para exames a partir de 10 dias após o início dos sintomas.

Também foram aprovados testes para detecção de anticorpos com o uso de outras metodologias, como:
– ELISA: que se baseia numa reação enzimática;
– Imunoensaio quimioluminescente (CLIA): que torna a reação antígeno-anticorpo visível por uma reação química;
– E imunofluorescência: no qual a leitura do resultado é feita a partir da fluorescência formada na reação do antígeno com o anticorpo.

RT-PCR
Entre os testes aprovados também há os que usam o método RT-PCR (sigla em inglês para transcrição reversa seguida de reação em cadeia da polimerase), recomendado para o diagnóstico da doença. Esse tipo de teste se baseia na detecção de fragmentos do material genético do vírus e revela se a pessoa está doente no momento da realização do exame, porém não detecta contágios passados.

Saiba quais são os produtos para diagnóstico in vitro de Covid-19 regularizados

Quer saber as notícias da Anvisa em primeira mão?
Siga-nos no Twitter @anvisa_oficial, Facebook @AnvisaOficial, Instagram @anvisaoficial e YouTube @anvisaoficial
Fonte: Portal ANVISA
Leia mais aqui: https://www.farmale.com.br/testes-para-covid-19/

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui